quinta-feira, 2 de abril de 2015

Fabrício x Torcida, o q aconteceu!! por Max Peixoto.


Video de Andrew Lau

video

Lamentável episódio no Beira Rio. 
Fabrício X Torcida.

Uma sucessão de erros. Da torcida murrinha que vaia DURANTE o jogo e do jogador desequilibrado e muitas vezes displicente. Um mix de erros. O prejudicado: o Sport Club Internacional.

A confusão foi bem na minha frente. O Inter estava em um ataque rápido, quando o Fabrício vem até a ponta da área, e em vez passar rápido a bola para o companheiro, prefere segurar e retrair a jogada. O final do episódio todo mundo já sabe. Porém hoje pela manhã surgiu um boato sem nenhum fundamento. Surgiu um boato que D’Alessandro, na hora da confusão, tenha xingado Fabrício com palavras racistas. Porém, para alguém afirmar isso, precisa de provas. E para provar, precisa vir falar comigo antes, pois eu vi e ouvi tudo que aconteceu naquele momento, pois estava trabalhando na frente do ocorrido (sou o gandula que aparece em todas as imagens com a bola na mão e que segundo os “entendidos” deveria ter agredido o lateral Fabrício).

O momento da confusão.

A vaia começa, Fabrício enlouquece e xinga a torcida. D’Alessandro vem até a placa de publicidade, no mesmo que ponto que eu estou e diz: “Deixem pra vaiar depois do jogo. Deixem pra vaiar depois do jogo”. Logo em seguida, ele diz: “Não! Eu não concordo com isso! Eu não concordo com isso”. Alguns instantes depois, ele vai até a mureta, cara a cara com o torcedor e pede calma. Isso foi o que ocorreu. Nada além disso.

Não sei o que passa na cabeça de uma pessoa que inventa uma coisa dessas. Inventar uma coisa terrível dessas logo do símbolo máximo do Internacional neste momento. Será que isso é coisa de colorado? Aliás, será que isso é coisa de ser humano do bem? É lamentável.

Outra questão é o print “leviano” onde aparece uma torcedora apontando para o braço. Logo veio a picuinha de ser com cunho racista. Quanta doença! A menina está olhando justamente para o lugar da mureta onde o D’Alessandro está. Pedindo garra, batendo no braço. É complicado pessoas assim!

Que este episódio não abale a confiança do grupo, que Deus tenha dó desta criatura que inventou essa mentira e toda sorte do mundo ao Fabrício, onde quer que seja.

Max Peixoto






7 comentários:

  1. Muito bom!! Triste que se faz necessário esse tipo de esclarecimento!!

    ResponderExcluir
  2. Estou triste com tudo, me pergunto, essas pessoas são realmente colorados(as).... :( Luinter

    ResponderExcluir
  3. Nem sabia que havia esta versão mentirosa e triste do acontecido, espero que torcedores revejam suas atitudes e passem a ir aos jogos para apoiar, se não conseguem ficar sem vaiar pelo menos deixem para o final do jogo!

    ResponderExcluir
  4. Lamentável. Qt ao Fabrício.. bom.. entendo seu descontentamento, mas não aceito meu manto desrespeitado. Os torcedores de verdade não mereciam aquela cena.

    ResponderExcluir
  5. agora estão se apegando em um vídeo da saída do Fabrício - na boca do escadaria que leva aos vestiários - que alguns torcedores falariam "macaco"...o video é um piada...veja.

    ResponderExcluir
  6. Triste muito Triste!!

    ResponderExcluir
  7. Toda razão ao D1ale, quer vaiar tem todo direito e as vezes razão, mas vamos por o dedo naconciência, vaia durante o jogo atrapalha mais do que ajuda, vaia depois, vai pro portão,mas depois do jogo.

    ResponderExcluir